domingo, 12 de setembro de 2021

HONRA E GLÓRIA AO PRESIDENTE GONZALO!

 


Todo o proletariado internacional chora,

Tua morte nos pesa mais que uma montanha!

Tuas palavras ecoam em nossas ações,

Ó grande líder, grande marxista, grande leninista, grande maoísta!

O maior marxista vivo nos deixa,

Mas apenas de corpo nos deixa,

Pois seu Pensamento é de todo o povo peruano e de todos os povos do mundo!

O Maoísmo é de todos os povos em luta,

Em busca implacável pelo comunismo!

Seu Pensamento vivifica nossas almas,

O Maoísmo é a arma com que lutamos!

Seu Pensamento é imortal,

Seus aportes jamais serão esquecidos!

Proletários de todo o mundo, povos oprimidos,

Devemos honrar e glorificar em luta conjunta e internacionalista

O grandioso e todo-poderoso Maoísmo e os aportes universais do Pensamento Gonzalo!

Devemos aprender com a guerra popular peruana,

A conquistar nossa liberdade em cada pedaço de chão!

Que sejamos heroicos em nosso sofrimento,

Que sejamos verdadeiros combatentes!

Jamais nos deixaremos esmorecer,

Faça o inimigo o que for!

Gonzalo foi um homem e um chefe,

Que jamais esmoreceu.

Jamais a tortura que lhe foi imposta o fez capitular e trair a classe!

Todos os reacionários e todos os revisionistas foram não mais que tigres de papel

Enquanto Gonzalo foi uma águia de inquebrantável altivez!

Seu Pensamento não apenas paira sobre nós,

Nós o incorporamos!

A Ideologia é nossa força,

Pois a colocamos em prática!

Imortal seja Gonzalo,

Como são imortais Marx, Engels, Lênin, Stalin e Mao.

Imortal é o Maoísmo e o Pensamento Gonzalo!

As cadeias do Velho Mundo

Jamais poderão deter a Nova Onda da Revolução Mundial!

Honra e glória à Gonzalo, ao seu Pensamento

E à guerra popular peruana!

Honra e glória ao Maoísmo,

Que é o maior legado deste titã e o nosso mando e guia!

Poema "O Pensamento Gonzalo é Imortal" de Francisco Isidoro Azevedo


Em razão da morte de Abimael Guzmán Reynoso (Presidente Gonzalo) no dia 11/09 o movimento Combate presta solidariedade aos povos oprimidos e explorados de todo o mundo, em especial, ao proletariado e campesinato peruanos.


clique na imagem para acessar a Entrevista


Entendemos que a morte do maior comunista até então vivo e prisioneiro político mais importante do mundo fez parte do processo criminoso, desumano e inédito em todo o planeta que já vinha sendo perpetrado sobre sua figura por 29 anos em um encarceramento que almejava derrotá-lo moralmente e aniquila-lo fisicamente. 


Clique na imagem para assistir o Discurso


Antes de tudo, sua morte foi um assassinato do Velho-Estado peruano anti-povo sobre aquele que ousou desfraldar a bandeira vermelha bem alta, defendeu e aplicou a ideologia proletária sendo Chefatura do Partido do Comunista do Peru.


clique na imagem para acessar o texto


Jamais silenciarão o seu pensamento que é a aplicação da ideologia que guiará a humanidade, inevitavelmente, à liberdade.


clique na imagem para acessar a declaração


 Na entrevista do Século, documento importantíssimo para entender Gonzalo e seu pensamento, tem o seguinte trecho que nos conforta e certifica dos caminhos a serem traçados: 


"EL DIARIO: Você tem algum tipo de temor?


PRESIDENTE GONZALO: Temor? Creio que é uma contradição: temer e não temer. O problema é tomar a ideologia e potenciar em nós o valor, é a ideologia que nos faz valentes, o que dá valor. A meu ver, ninguém nasce valente; é a sociedade, a luta de classes que tornam valentes os homens e os comunistas, a luta de classes, o proletariado, o Partido e a ideologia. Qual poderia ser o máximo temor? Morrer? Como materialista, creio que a vida termina algum dia, o que prima em mim é ser otimista, com a convicção de que o trabalho ao qual sirvo outros hão de prosseguir e levarão até o cumprimento de nossas tarefas definitivas, o comunismo. Porque o temor que poderia ter, seria o de que não se prosseguisse [N.T.: a revolução, a obra iniciada], porém esse temor se dissolve quando se confia nas massas. O pior temor, ao fim e ao cabo, é não confiar nas massas, é crer-se indispensável, centro do mundo, creio que isso é, e se alguém, formado pelo Partido com a ideologia do proletariado, com o maoismo principalmente, compreende que as massas fazem a história, que o Partido faz a revolução, que a marcha da história está definida, que a revolução é a tendência principal, então esfumaça-se o temor e fica somente a satisfação de ser argamassa e, junto a outras argamassas, servir para pôr alicerce para que algum dia brilhe o comunismo e ilumine toda a Terra."




Para acessar o texto "Sobre o Pensamento Gonzalo" do PCP, clique na imagem

HONRA E GLÓRIA AO PRESIDENTE GONZALO!

VIVA O PRESIDENTE GONZALO E SEU TODO PODEROSO PASSAMENTO!

VIVA O MARXISMO-LENINISMO-MAOÍSMO E OS APORTES DE VALIDEZ UNIVERSAL DO PENSAMENTO GONZALO!

VIVA O INTERNACIONALISMO PROLETÁRIO!

VIVA A NOVA GRANDE ONDA DA REVOLUÇÃO PROLETÁRIA MUNDIAL!

VIVA AS GUERRAS POPULARES NO PERU, TÚRQUIA, FILIPINAS E ÍNDIA!



Nenhum comentário:

Postar um comentário